QUALIDADE DE VIDA NA FASE TERMINAL

O Dr. Eduardo Lobo, fala um pouco hoje da qualidade de vida na fase terminal do animal




A fase terminal é o momento em que o animal e seu tutor devem se aproximar ainda mais, em especial é nessa hora que o tutor passa a dar, ao invés de receber de seu companheiro.



A fase terminal consiste na época que o animal se prepara para a transição entre o seu estado de matéria / energia, para a transformação somente em energia.


É conforme o estudo do tutor que o animal terá ou não a qualidade de vida. O papel do veterinário está em manter esta relação estável e explicar ao tutor que ele deve agora se dedicar mais ao seu animal. Também nesta fase o veterinário deve se importar com o controle de dor, que é a única situação que podemos entender como sofrimento do animal.



Por isso, a dor e o uso de todos os recursos para evitá-la é essencial nesse período.

Outra causa de sofrimento é a eutanásia, pois em 90 % dos casos o tutor sofre forte abalo psicológico, e claro o veterinário também. Esta é uma fase de integração, nunca de separação. O aprendizado nestes casos é enorme para o animal e seu tutor, que muitas vezes aprendem a naturalidade da vida e da morte e que viver é isso.



A qualidade da vida nesta fase se baseia em interação de animal, tutor e o veterinário que materialmente e energeticamente se congregam e interagem intensamente. Uma fase maravilhosa de aprendizado mesmo envolvendo uma doença terminal.

68 visualizações
(11) 5071-7146 - Geral
(11) 93088-5918 -cursos 
(11) 9731-19698 -Agendamento & ambulatório
(51) 9830-48361 - Agendamento e ambulatório rs
Segunda à Sexta-Feira 09:00 às 17:00
MatRiz:rua Pereira estefano 356(entrada pela rua alcatrazes - SP -sp
 
filial: rua dom pedro II, 967 -Bairro niterói - canoas - rs