top of page

Mecanismo de ação da acupuntura - Por Eduardo Lobo

Atualizado: 24 de mai. de 2023

Mecanismo de ação da acupuntura – de cercar o dragão a tratar o Jing

Vamos pensar que você é um lavrador chinês que a 4000 anos atrás recebeu do imperador uma nona parte de uma terreno para se manter e manter os celeiros do imperador cheios.

O imperador , conforme pensa a base filosófica chinesa vai mandar um médico especialista em não deixar a pessoa adoecer, principalmente por ele ganhar por pessoa saudável e não pela cura de uma pessoa doente.


Este médico vai tonificar o Qi , desestagnar o Xue , fluidificar o Jin Ye , tratar o Jing e o shen. Para nós do século XX/XXI isto parece com bruxaria – magica , algo que não compreendemos.


O acupunturista entende e trata estes processos encontrando os diagnósticos e estabelecendo o melhor tratamento usando como base alimentos , produtos a base de minerais , ervas e plantas chamados genericamente de fitoterápicos e usando finas agulhas numa técnica conhecida como acupuntura.

Então as técnicas de cura trabalhavam cada um dos sistemas de uma forma sistemática e cientifica. Estudando o caso, perguntando , palpando, examinando , encontrando o diagnóstico e o tratamento.

Conforme fazemos atualmente, a única diferença esta no sistema de códigos , chamado conhecimento científico ou linguagem cientifica que em uma mesmo processo de doença usam expressões diferentes que no final seriam a mesma coisa no fato e nomes diferentes na descrição.


A ciência vem estudando a acupuntura em especial, e passo a passo vai descobrindo o que o terapeuta chinês já sabe a muito tempo, porém usava um outro código descritivo para se expressar.

Assim quando pensamos em Qi e Xue e sua estagnação corresponderia a teoria dos portões na dor , que foi uma das primeiras comprovações e estudos científicos que começaram a explicar para a forma ocidental o que é o mecanismo de ação da acupuntura. A teoria dos portões estabelece que existe um limite de estímulo nervoso para a dor que quando ultrapassado bloqueia demais estímulos de dor – seria a explicação dos níveis de dor que os chineses estabelecem como estagnação de Qi ou de Xue / Sangue.


Ampliando os estudos se demonstrou que não era só a dor que a acupuntura tratava, como o antigo médico chinês mostrava era possível prevenir doenças, mas também era possível curá-las quando apareciam. Naqueles tempos não havia outra medicina então se tratava desde processos de emergência como choque e sepse, processos cirúrgicos , doenças cardíacas , dermatológicas , hormonais e tantas outras só que naquele tempo com nomes diferentes dos atuais como deficiência de Yin do Pulmão para um asma ou bronquite, ascensão do yang do fígado para uma cetoacidose diabética e tantos outros nomes para cada um dos nomes de doenças atuais. Qual seria então o mecanismo de ação que explica este tratamento . Como disse , se foi evoluindo. Inicialmente se falava na ação do reflexo cutâneo-nervoso visceral aonde o uso de um estímulo na pele gerava uma alteração direta no funcionamento mecânico das vísceras – se coloca o ponto Estomago 36 e imediatamente se escuta a volta dos borborigmos intestinais em um equino com cólica por atonia intestinal. Tantos outros exemplos pode se verificar.


Mas não era só isso: através do trato espinotalâmico o estímulo nervoso periférico chega ao sistema nervoso central e onde atua modulando o efeito dos neurotransmissores. Durante muito tempo se teve como principal mecanismo de ação este efeito na neuromodulação. Inclusive se acrescentou que esta estimulação também se dava através do estímulo em hormônios e nas suas glândulas – o sistema do triplo aquecedor seria uma técnica de uso e ação do sistema neuroendócrino humoral.


Como o corpo era estimulado a fazer estes processos? Se descobriu então que diversos pontos modulam diversas Inter leucinas. Estas são proteínas que modulam a cada uma das ação fisiológicas do corpo. Desde 2010 venho fazendo revisões constantes nas publicações e vejo de 100 a 300 trabalhos novos por ano falando do uso de determinado acuponto e seu efeito na produção das Inter leucinas. Assim em breve teremos um mapa metabólico completo entendendo qual mecanismo da medicina atual é acionado por cada ponto. Com certeza isso vai traduzir para os médicos, que ainda duvidam das ações da acupuntura, uma forma mais especifica e pouco invasiva de atuar no metabolismo nas maiores profundezas do organismo vivo.


Ainda faltavam duas coisas importantes que a medicina chinesa trabalha na constituição do corpo vivo: o conceito de Jing e de Shen. Traduzidos como essência e mente pela maioria dos professores da área eu costumo conciliar esta palavras com genética e comportamento.

Assim faltava explicar o que o chines faz a milhares de anos como modular a genética, ou seja, como tratar o processo relacionado ao Jing. A muito o chinês trata processos tanto de deficiências de nascimento – deficiência do Jing pré celestial , como os processos de desequilíbrio da manifestação genética – processo epigenéticos como o surgimento de doenças autoimunes e do câncer , que são denominados distúrbios do Jing pós celestial.

Na medicina humana este é o sonho que pensaram conseguir resolver mapeando o genoma de diferentes espécies – o Jing pré celestial. Mas havia algo maior a epigenética.


Em 2001 um pesquisador de biologia, encontrou um grupo de bases formando um pequeno RNA , com até 20 bases, que chamou de micro RNA. Este micro RNA de forma didática, seria como os pequenos “steamboats” – barcos pilotos. Que atuariam conduzindo e orientando o RNA mensageiro no encontro do DNA e assim modulavam a produção de todas as proteínas, permitindo a ativação ou inativação de produção destas Inter leucinas.

Com o tempo , a partir de 2017 começou-se a replicar os experimentos e a procurar fármacos que pudessem atuar e modular este efeito do micro RNA, até agora em 2023 existem pesquisas com 4 substâncias que quem sabe um dia conseguiram ser usadas.

Mas o que isso tem a ver com acupuntura? Vários pesquisadores , em especial chineses tem pesquisado o efeito do ponto de acupuntura no micro RNA e ano a ano tem publicado em revistas de alto calibre, comprovando o que o mestre antigo chinês falava : a acupuntura modula o Jing – melhor , a acupuntura modula o micro RNA que assim modula a produção das Inter leucinas que atuam em todos os processos metabólicos do corpo.

Já existem estudo mostrando o uso de um ponto e seu efeito na modulação da produção do micro RNA e consequentemente das proteínas que ele coordena a produção.

Resumidamente temos a evolução:


. portão de dor processo neuroendócrino visceral e neuroendócrino humoral ação na neurotransmissão produção de Inter leucinas controle e ação através do micro-RNA


Uma linha do tempo na evolução do entendimento do mecanismo de ação da acupuntura.

Esperem e com o avanço da ciência dita moderna teremos o entendimento do processo “primitivo” que faz o que muitos médicos mais que modernos não consigam tratar determinadas doenças e que médicos ancestrais tratem todos os tipos de doenças.


47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page